Bem Vindo!

Bem Vindo!

sábado, 15 de agosto de 2009

Change for something, please.


“E porquê? Porque ficas-te assim comigo de um dia para o outro? Ainda à uma semana estivemos juntos, e dizias querer tudo e não querias perder nada. Pediste-me que ficasse contigo para sempre, e disse-te que para sempre comigo ficavas. Não te percebo, nem tu te percebes. Se Já não sentes a minha falta, diz-me isso na cara. Amanhã, apanharei o autocarro e vou ter contigo, pensa no que me vais dizer, assim não te vou fazer perder tempo. Adeus.”


Sentimentos mais que confusos, e vidas mais que unidas. Dúvidas constantes e palavras restantes. Palavras jamais esquecidas, pois foram ditadas por alguém que ama-mos. São situações que certamente recordamos. Todos os dias, mais uma lembrança recortamos. Escrevemo-la e guardamo-la.


- Apanhei o autocarro bem cedo, mal dormi de noite. Queria saber o que ela queria realmente. Fui a viagem toda a pensar que ela simplesmente me tinha esquecido. Esquecido por completo. Mas estava confuso porque já não era a primeira vez que isto acontecia. Voltávamos sempre ao mesmo, e acontecia sempre isto. Estava passado. Estava mal, e fui a viagem toda a chorar. Só queria acreditar que isto era só uma fase estúpida de uma grande e forte relação. Estava impaciente, e só me vinha à cabeça que tinha uma viagem de 4 horas para fazer. Ouvi-a música, mas não me acalmava com ela. Pus-me a escrever no autocarro. Escrevi-a sobre a situação, mas passado um pouco enjoei. Já estava com dores de barriga, e com o enjoo, tive que vomitar numa paragem de serviço. Estava tal e qual como um do doente. O Amor sempre me afectou muito, e naquele momento estava mesmo sem esperanças nenhumas. Passado mais um pouco da viagem, recebo uma mensagem…dela. Perguntava se ia mesmo lá, e eu respondi: “Já não falta muito para aí chegar.”… Ela mandou-me outra mensagem a perguntar o porque de estar a ir assim ter com ela e eu respondi que logo ela viria. Passou uma hora e cheguei a meu destino. Saio do autocarro e entro no outro ao lado que me levaria praticamente a casa dela. Mais meia hora de viagem, ate que chego. Saio do autocarro e sento-me num banco. Mando-lhe uma mensagem a pedir que vá ter comigo, e ela responde dizendo que primeiro eu tinha que explicar tudo aquilo. Eu respondi: “Estou farto que me trates como teu namorado um dia e no outro como um desconhecido, já chega. Quero que me digas o que queres na cara.”. Ela não me respondeu a isso, e passado uns minutos vejo-a a vir até a mim.

Fico sentado e ela senta-se ao meu lado. Dá-me um beijo e fica calada. Olha para mim e diz: -


“Que queres que te diga? Não percebo nada da minha vida. Tanto quero uma coisa como quero outra. E sim, há dias e dias. Mas eu gosto de ti, e tu sabes disso. Não me deixes, por favor, eu sei que já o pedi, mas não me deixes, tenta perceber que sou mesmo assim…”

_


“Gostas de mim ou amas-me? Não sabes o que é sentir isto. Sentir que a pessoa que mais amo e que está comigo tem dupla personalidade. Porque tu sim, tens mesmo dupla personalidade. Falas comigo de formas diferentes a cada dia que passa, e tens noção disso. Mas mesmo tendo noção, não fazes um esforço para mudar. Gostava que todos os dias acorda-se com o teu - Bom dia -, e nem com isso acordo. Há dias que não me dizes nada, porque simplesmente não te apetece falar comigo. É horrível, e gostava que mudasses um pouco, por mim. Porque se não me amas não mudarás por mim. Apenas vais pensar só em ti, e no teu bem-estar. Se te sentires melhor sem falar comigo, vais faze-lo e não vais pensar que ficarei mal. Gostava que pensasses nisso. Deixa de prensar apenas no teu bem-estar. Por favor, faz um esforço por mim se me queres…”

_


“Amo-te, não tenhas dúvidas disso, por favor. E mesmo que só gostasse de ti, mudava, porque tu és mesmo a pessoa que mais gosto na vida, sempre me deste tudo o que te pedi… eu amo-te. As vezes estou em casa e penso para mim que já não sinto a tua falta e que já não preciso de ti. Mas no dia a seguir só quero que venhas ter comigo. Mas existe distância, apesar de o que sinto por ti por isso de lado. Os nossos bons momentos sempre empurraram a distância para longe. Eu quero-te pró resto da minha vida. Desculpa, por favor amor, eu amo-te. Não me deixes. Sei lá, sempre que estiver de uma maneira estranha, avisa-me, pede-me que mude, eu vou-me habituando. Mas preciso de ti, por favor…”

_


“Sei lá se um dia não me deixas. É o que penso sempre que ficas assim. Não conheço o outro teu lado. Não sei lidar com ele, porque me aleija. Eu também te amo e quero-te para o resto da minha vida, e eu não te vou deixar, podes ter a certeza. Eu amo-te… Mudas por mim?

- Ela abraçou-me e prometeu-me que mudaria, ali ficámos, abraçados, como se o mundo nunca fosse acabar. -



Foto minha desta vez. ;p

Obrigado. *

11 comentários:

  1. está MESMO MUITOOOOOOOOOOOOOO LINDOOOO mei mesmo...tu escreves como quem vai a rua ^^
    Escreves simplesmente com muita perfeiçao=D
    adorei papiiiii :D:D:D

    ass: Mafalda Gomes

    ResponderEliminar
  2. escreves tão bem , nao á palavras :)

    ResponderEliminar
  3. Lindo, lindo *.*

    Me identifico com muita coisa que vc escreve.

    Também tenho um blog (outro), não escrevo tão bem como vc, mas do meus pulinhos. Dá uma passada lá se quiser ;)

    http://darkeyes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  4. OMG *-*

    E esse teu mundo , teu e dela , espero qe nunca acabe mesmo ;D

    ResponderEliminar
  5. Foto tua Chouricinho?
    cala-te! é linda!
    hum...
    O texto está muito bom, talvez um dos melhores. Gostei. Enquanto à rapariga...
    eu percebo o que é ser assim Francisco, eu sou como ela, acredita que ela propria sofre com o mundo dela. Eu sofro. Não saber o que queres, numa noite quereres tanto abraçar uma pessoa, e noutra desprezares, sentires-te só e perceberes que o problema está em ti.
    o meu conselho é aprenderem os dois a lidarem um com outro. Não levarem tudo a peito. A "dupla personalidade" faz parte dela, como a tua sensibilidade faz parte de ti puto.

    beijinhos, l'u <3

    ResponderEliminar
  6. Gostei do texto, para variar está lindo. (:
    A fotografia está muito original, parabéns. :D

    Força & Continua. ^^

    ResponderEliminar
  7. escreves bem ^^, espero sinceramente que a vossa relaçao dure ^^
    P.S: desculpa pela invasao :$

    ResponderEliminar
  8. Não sei como estão agora as coisas entre vocês mas espero que estejam bem (:
    É uma situação complicada mas acredito que conseguem ultrapassar tudo !
    Fica bem :D
    (o texto está indescritivél, simplesmente lindo)

    ResponderEliminar